/*r.b 20150421 non www for webmaster tools */

Na Índia, a música é considerada como prece ou oração e também uma das mais antigas formas de expressão humana. Sua origem se deu com as escrituras sagradas (Vedas), que eram compostas na forma de poesia e cantadas com ritmo. A grande diversidade de tradições indianas deu origem a uma variedade de instrumentos musicais.

A Raga (estrutura de melodia) e Tala (estrutura de ritmo) são as duas principais características da música clássica indiana. Acredita-se que as Ragas atuam diretamente no funcionamento do nosso sistema nervoso. A combinação de cada nota ou acorde, bem como o arranjo entre eles atuam de uma forma particular sobre os plexos, também chamados de chakras na cultura indiana. Estes chakras têm uma série de funções físicas, mentais e espirituais, e desta forma a música pode ser utilizada na busca do equilíbrio levando-nos a alcançar um estado de bem estar e paz inigualáveis.

Toda a cultura indiana está fortemente arraigada na crença do espírito e da busca pelo crescimento espiritual, por isso é comum aos grandes artistas e virtuoses indianos dedicarem-se e agradecerem aos seus mestres e gurus, que através de seus ensinamentos lhes permitiram ter a conexão com a fonte da Inspiração.

 
Rodapé